Amo um chocolate que não é chocolate

Alessandra Bernardo

As pessoas são diferentes e os chocolates também. Logo, amo pessoas verdadeiras e chocolates falsos. Falso, carregado de açúcar e gorduroso, já que é feito a partir da gordura do cacau prensado. Claro que amo também o chocolate verdadeiro, aquele marromzinho delicioso, mas ele divide o pódio com o outro, branquinho.

Nossa relação começou ainda na minha infância, acredito que por influência do meu pai, seu João, um formigão bonachão e risonho que não dispensa um doce ou chocolatezinho…

Descobri que o chocolate branco não era quem dizia ser a alguns anos, mas ainda assim, continuei com nossa história, sempre carregada de momentos felizes ao lado de frutas vermelhas, cookies, frutas secas, entre outros itens queridos e gostosos.

Sendo assim, é fácil deduzir que, ao abrir uma caixa de bombons, ele era o primeiro a ser procurado por mim e por meu pai, que sempre que podia trazia uma para nossa casa, para dividir entre os filhos, lá no sobrado em que morávamos em São Cristovão. Doces lembranças…

Apesar de só ter manteiga de cacau, ele é bem visto em qualquer lugar e pode ser encontrado nas melhores receitas. Ainda mais com a Páscoa chegando…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: